terça-feira, 25 de julho de 2006

Ingleses querem menos subserviência aos EUA

LONDRES - A Grã-Bretanha deve adotar uma posição mais firme e independente em relação aos Estados Unidos, indica uma pesquisa divulgada hoje pelo jornal The Guardian. Para 63% dos entrevistados, o primeiro-ministro Tony Blair alinhou demais a política externa britânica com a americana; apenas 30% a aprovam.

A pesquisa foi realizada logo depois da conversa particular entre Blair e o presidente George W. Bush na reunião do Grupo dos Oito em São Petersburgo, na Rússia, captada por um microfone aberto. Blair se ofereceu para fazer uma missão exploratória no Oriente Médio antes da visita da secretária de Estado americana, Condoleezza Rice.

Entre os eleitores do Partido Trabalhista, 54% criticam o excessivo alinhamento com Washington. Ns outros partidos, a rejeição é ainda maior, de 68% entre os conservadores, tradicionais aliados dos EUA, e de 83% no Partido Liberal-Democrata, que sempre se opôs à invasão do Iraque, principal razão da queda da popularidade de Blair.

2 comentários:

robbinshood disse...

This site is one of the best I have ever seen, wish I had one like this.
»

bestusedcarrs disse...

Nice idea with this site its better than most of the rubbish I come across.
»